Tutorial do EFT Oficial

2a PARTE Para Todos: Indo até as Raizes das suas questões sobre EFT

A Técnica de Contar a História - O carro-chefe do EFT Tapping

Uma ferramenta fácil de EFT que integra automaticamente tudo que você aprendeu até aqui

Tapping Tell Story image

Se você estiver praticando EFT de alta qualidade, então tratar Eventos específicos - um conceito essencial dentro do processo de EFT será a peça central de seu trabalho. Como em qualquer outra técnica, resolver um evento específico significa limpar todos os aspectos para não deixar pendente qualquer intensidade. A técnica de contar a história é a maneira mais abrangente para chegar lá e é a “técnica tipo burro de carga”, que provavelmente vai estar presente em seus trabalhos mais profundos .A idéia é muito simples. Apenas narrar um evento específico incômodos, como se fosse uma história e parar para fazer o EFT Tapping receita básica sempre que chegares ao emocionalmente intensas partes dele.

A idéia é muito simples: simplesmente narrar um evento específico que estiver incomodando, como se fosse uma história e parar para fazer a receita básica de EFT toda vez que estiver num trecho onde há intensidade emocional.

Abaixo estão algumas orientações, mas, em essência, são apenas orientações! Cada um dos pontos de parada na história representa mais um aspecto da questão, que, naquele momento, vai levá-lo para questões ainda mais profundas. Isso pode poupá-lo de muito trabalho de detetive, e, conceitualmente, é tão fácil quanto. Vamos em frente...

... automaticamente integra tudo o que você aprendeu
sobre aspectos, testes e ser específico.

Eu quero dizer que todas as partes críticas para fazer o trabalho de  EFT em profundidade estão contidas dentro deste único método, que é fácil de usar. As oportunidades para testar se apresentam naturalmente durante o processo e o elemento de Ser específico é automaticamente incluído, porque você está contando suas histórias sobre Eventos específicos. Enquanto Eventos específicos são aspectos de questões globais, cada evento tem seus próprios aspectos, que são apresentados em cada ponto de parada na história. Isso permite que você seja ainda mais específico, sem precisar recorrer ao trabalho de detetive sofisticado. Simplesmente seguindo as instruções desta ferramenta passo a passo, você irá fazer um trabalho completo, cobrindo todas as bases.

Vai precisar de um pouco de prática e provavelmente terá alguns tropeços até dominar a ferramenta. Mas uma vez dominado este processo, você  nunca mais vai depender apenas da receita básica do EFT.

Aqui estão algumas diretrizes para melhorar o processo de EFT

Primeiro, escolha o evento: Encontre um evento específico que tenha a duração de um a três minutos e com pelo menos um crescendo emocional. Se você ainda precisa de ajuda para encontrar esses eventos, consulte o artigo anterior sobre eventos específicos.

Amenize o problema: Antes de realmente contar a história, confira qualquer intensidade que você possa ter sobre fazer a narração. Se a sua intensidade for 5 ou superior... vale a pena fazer algumas rodadas do tipo global da receita básica para aliviar o estresse.

"Mesmo que eu esteja nervoso para contar a história..."

"Mesmo que eu tenha medo do que possa acontecer quando eu contar essa história..."

"Mesmo que eu não goste dessa coisa toda..."

"Mesmo que eu fique nervoso só de começar a história...."

Uma frase lembrete fácil para qualquer um dos exemplos acima poderia ser "esta história" ou "contar esta história."

Faça tantas rodadas quantas forem necessárias até que o nervosismo sobre contar a história seja reduzido para 3 ou menos. Isso serve para " aliviar a tensão" e permite a você lidar com mais conforto ao contar a  história do evento com carga bastante intensa. Se você começar a contar a história e a intensidade elevar-se a um nível desconfortavelmente alto,  então execute novamente a rotina acima.  Repita quantas vezes forem necessárias.

Como contar a história

A. É melhor contar a história em voz alta.  Isso tende a tornar a história mais real e ajuda a trazer as questões importantes para a superfície.  Você pode contar para um espelho, um amigo, um muro ou falar com um amigo imaginário (sorriso).

B. Comece num ponto neutro, quando não há nada para se preocupar. Um exemplo poderia ser: almoçando com um amigo antes de, digamos, um acidente de carro. Isso tende a deixá-lo mais à vontade para a experiência.

C. O mais importante: você deve parar de contar a história quando sentir qualquer intensidade de qualquer tipo.

D. Em cada ponto de parada, use a receita básica de EFT para tratar aquela intensidade. Uma vez eliminada a intensidade, continue a contar a história até o próximo momento intenso.

Fazer paradas é fundamental para o sucesso deste procedimento. A maioria das pessoas foi condicionada por técnicas convencionais a "ser corajosa" e "mergulhar nos sentimentos" e "ser corajosa e enfrentar os sentimentos." Assim, se você não parar quando surge a intensidade, é provável que perca  uma importante oportunidade de cura. Então, mais uma vez...

... se não parar,

você perdeu uma oportunidade de cura!

Aqui você está procurando os aspectos. E este processo muitas vezes traz os aspectos para a superfície sem ter que cavar. Que beleza! Lembre-se de que estamos procurando o rigor, então queremos "zerar com o tapping" cada grama da intensidade envolvida.

Por favor, entenda que cada ponto de parada é um aspecto da história, e cada um desses aspectos deve ser tratado como se fosse um evento separado. Portanto, a fim de ser específico, você deve focar em um crescendo emocional (aspecto) de cada vez para tratar com a receita básica.  Portanto, para cada crescendo emocional (aspecto):.

A. Avaliar a  intensidade na escala de 0-10 para essa parte da história.

B.Tendo em mente o exemplo do "acidente" do artigo Encontrar Aspectos, formule suas frases de preparação e lembrete para tratar a parte deste crescendo emocional que causou a intensidade (note que a emoção envolvida é mencionada na frase de preparação).  Por exemplo:

"Mesmo que eu tenha ficado furioso quando ela me disse aquilo...."

"Mesmo que eu tenha me encolhido por medo quando eu vi aquela coisa horrivel..."

"Mesmo que eu tenha me sentido culpado quando aquele policial estava me perseguindo..."

"Mesmo que eu estivesse realmente zangado com aquilo..."

C. Use a receita básica  de EFT e continue avaliando a intensidade antes e depois de cada rodada, até a intensidade ser zerada ou reduzida a um nível tolerável.

D.Cada crescendo emocional pode conter alguns aspectos próprios. Portanto, após usar a receita básica de EFT no aspecto mais óbvio, repasse aquela parte da história para ver se ainda existe alguma intensidade. Se houver, repita o passo acima.

E. Após a intensidade ter sido eliminada daquele crescendo, retome a história e procure pelo próximo ponto de parada. Fique atento também para sua possível tendência, enquanto conta sua história, de pular e ir direto para o próximo crescendo mais intenso. Você sabe o que está por vir em sua história, é claro, e assim, você acessará muitas vezes as emoções antes de realmente chegar a esse ponto na história. Simplesmente trate essa intensidade como faria com qualquer outro ponto de parada.

F. Uma vez que você tenha feito o tapping em todos os momentos intensos da história, volte para o início, conte a história de novo, parando onde encontrar qualquer aumento de intensidade. Não fique surpreso se você, nessa segunda passagem, encontrar mais coisas para tratar... Simplesmente seja o mais diligente que conseguir ser.

G. Repita este processo até que você possa contar a história de forma neutra, como se fosse uma viagem de compras. Isso deve colapsar todos ou a maioria dos aspectos.  Para se ter uma boa avaliação, conte a história na manhã seguinte ou na próxima semana para ver se nada resta.  Às vezes, o passar do tempo faz com que apareçam os aspectos remanescentes.  Se assim for, repita o processo até obter um sucesso mais completo.

Métodos para teste de EFT – aprofundando mais no processo de tapping

Você pode usar qualquer um dos métodos de teste que aprendeu no artigo anterior sobre testar seu trabalho de tapping com EFT, mas um que é usado frequentemente para o Evento específico é a visualização vívida. Depois de ter contado a história do evento em voz alta e de ter reduzido os mais intensos crescendos com o tapping, você pode passar novamente pelo evento em sua mente, visualizando-o quadro por quadro. Procure por aqueles momentos intensos e exagere as imagens, sons, cores, tamanhos, etc. e tente ficar realmente chateado. Assim que você encontrar mais intensidade, faça rodadas de tapping em tudo que você encontrou e então tente de novo. Continue a passar pela história vividamente até você não conseguir mais ficar chateado com nada no evento. No entanto, não continue com esta visualização vívida se seu tapping anterior não reduziu a intensidade para níveis administráveis.  Neste caso, é melhor procurar um profissional de saúde qualificado.

Você também pode usar os métodos de teste com uma situação real se estes forem adequados para o evento. Se você for bem sucedido em desenterrar intensidade usando qualquer tipo de teste, mais uma vez, use a receita básica de EFT para o que vier, até não conseguir mais ficar chateado sobre o evento.

Dicas para a técnica de contar a história

Medindo a intensidade:

Sua medição de 0-10 deverá refletir a intensidade que você sente  AGORA, quando se lembra do que aconteceu ALI. Não podemos mudar a intensidade que você sentiu no momento, mas nós podemos liberar a intensidade que sente agora.

Não sinto intensidade no meu evento:

Sua intensidade emocional pode aparecer de várias maneiras. A maioria das pessoas irá reconhecer sua intensidade imediatamente, mas se isso não acontecer, verifique se existem quaisquer alterações em suas sensações corporais. Tensão, falta de ar ou desconforto em qualquer parte do corpo pode ser usado como uma medida de intensidade, desde isso ocorra somente quando você se lembrar de algo no evento.

Se você notar que a qualidade da sua respiração muda quando aspectos aparecerem, então use a técnica de respiração constrictiva até que a respiração volte ao normal e em então continue a contar a história.

Você pode começar fazendo o tapping para um aspecto do evento que você assume que seria angustiante de alguma forma. Em seguida, observe o que muda depois do tapping. Você pode notar que está mais suave, menos tenso, ou de alguma forma ficou mais fácil de lembrar. E isso poderia ser  uma indicação de que você liberou alguma intensidade.

O tapping normalmente ajudará a perceber melhor a intensidade . Portanto faça o que puder com alguns eventos, acostume-se com o modo como seu corpo responde à intensidade. Isso deve ficar mais fácil à medida que você pratica.

Eu sinto muita intensidade no meu evento:

Se este for o caso, você pode trabalhar em outros eventos, menos intensos, até que os mais difíceis pareçam mais gerenciáveis. Muitos acontecimentos em sua vida estão relacionados uns com outros. Assim, trabalhar em outros ajudará muitas vezes os mais difíceis a se tornarem mais fáceis. Se você estiver trabalhando com uma história de abuso ou trauma, pode querer considerar tratar desses eventos com um profissional  de EFT.

Outro evento ou questão vem à mente:



Esta é uma forma de mudança de aspectos e é uma indicação de que você fez grandes progressos com o evento original. No entanto, antes de mudar para outro evento, verifique os aspectos do evento original e veja quanto resta para terminar. Se possível, faça o tapping no evento que começou até que todas as intensidades estejam zeradas e, em seguida, passe para outra coisa. Se o novo evento ou questão é simplesmente demasiado perturbador, então trabalhe nele se quiser, mas faça o seu melhor para manter o processo metódico. Mantenha o registro de seus níveis de intensidade para qualquer evento que você abandonar no meio do caminho, de forma que  você possa voltar e terminar mais tarde.

Além disso, certifique-se que você pode fazer a distinção entre eventos e questões. Um evento é um segmento de 1-3 minutos de tempo, muito específico e em conformidade com a prática contínua de EFT. Uma questão é uma nova mesa, apoiada sobre eventos específicos, portanto, você vai  querer dividi-la em partes, antes de começar o tapping. Por exemplo, se você estiver trabalhando em um evento de 1-3 minutos onde alguém no recreio disse algo sobre suas roupas, e então você percebe que sua mãe sempre foi crítica da mesma forma, você não vai começar o tapping globalmente dizendo  "Mesmo que eu me sinta rejeitado pela minha mãe...".  Em vez disso, liste os eventos individuais de 1-3 minutos que você consegue se lembrar, nos quais ela fez os comentários críticos e faça o tapping para cada um dos eventos, um de cada vez.

Meu evento tem mais do que 1-3 minutos:

A maioria dos eventos terá duração maior do que 1-3 minutos,  até você se acostumar a reduzi-los para esse tamanho. Muitas das experiências que você consideraria "eventos", na verdade, terão vários segmentos breves dentro deles, que carregam o impacto emocional. Eles devem ter alguns espaços relativamente neutros no meio. Isso irá ajudá-lo na hora de separar um evento do outro.

Todos os meus eventos parecem iguais:

Se houver um padrão repetitivo de experiências semelhantes em sua vida, então o primeiro passo é trabalhar com a mais antiga que você conseguir encontrar. Por exemplo, os problemas de relacionamento muitas vezes revelam padrões de comportamento ou respostas emocionais, e esses padrões muitas vezes começam na infância. Você pode começar a trabalhar no problema atual, mas ele vai estar apoiado em cima de tanta história semelhante que você pode ter dificuldade para sair dele. É melhor pensar a quais  lembranças do passado remete o problema atual e retroceder ainda mais.

Se você estivesse em uma situação de longo prazo, em que as mesmas coisas dolorosas foram acontecendo em uma base regular, você pode tentar criar  um evento que representa os temas comuns em cada um, mas será muito mais difícil conseguir levar cada intensidade a zero e você pode acabar provocando muita intensidade ao mesmo tempo. A boa notícia é que todos esses eventos são intimamente ligados, de maneira que  eles podem desmoronar todos juntos. Mas a má notícia também é que eles estão intimamente ligados e você pode ter dificuldade em se proteger da dor de senti-los todos de uma vez ao passar pelo processo. Profissionais de EFT devidamente treinados sabem como ajudá-lo a conter eventos nesses cenários. Portanto, se você está com dificuldade de lidar com tudo isso, convém procurar ajuda.

Testando a questão geral:

Os métodos de teste você que aprendeu no artigo anterior foram aplicados à sua questão em geral. No entanto, quando você começa a tratar eventos específicos, o objetivo ainda é avançar com o problema atual. Você vai querer  testar minuciosamente os eventos que tratou, mas também preparar testes separados para a questão como um todo a fim de ver se a limpeza dos eventos está ajudando a fazer progressos na direção certa.

A técnica de contar a história tem várias vantagens...

1. A "história" já vem com um procedimento pronto para encontrar aspectos.

2. Ela permite a questão se revelar da forma mais delicada possível.

3. Você pode facilmente testar a cada ponto de parada e isso lhe permite saber como está progredindo.

O vídeo a seguir é um exemplo da técnica de contar a história,  de um acontecimento real.  Como você pode notar, este evento contém dois crescendos, cada um com vários aspectos.  A maioria das primeiras rodadas de tapping trata a antecipação do primeiro crescendo que está por vir.  Neste caso, o objetivo é simplesmente aliviar a tensão, até chegarmos ao verdadeiro crescendo. Portanto, não estamos preocupados em baixar essas intensidades até zero. Quando chegarmos a cada um dos crescendos reais, seremos capazes de tratar aspectos individuais e trazer a intensidade até zero.

Você consegue identificar os dois crescendos e que aspectos foram tratados em cada um deles?

 

 

REVISÃO:

Neste artigo você aprendeu a usar a técnica de contar a história de eventos específicos.

  • Este é um método fácil de usar para limpar metodicamente a intensidade de um evento específico.
  • Ele incorpora os conceitos de aspectos, ser específico e testes, tudo em uma única ferramenta.
  • Ele permite que a história a se desenrole da forma mais suave possível.
  • Uma vez concluído seu uso, testar seu trabalho é fácil de fazer com a visualização vívida.
  • Também foram fornecidas dicas para situações incomuns, que podem ocorrer em seus próprios eventos.

 

 

© Gary e Tina Craig
Todos os direitos reservados